Liturgia de hoje

Cura de um leproso – Um dia, veio ao encontro de Jesus um leproso e implorou seu auxílio. Caindo de joelhos, lhe disse: “Se queres, podes curar-me”. Jesus, movido de compaixão, estendeu a mão, tocou-o e lhe disse: “Quero, fique curado!” No mesmo instante, a lepra desapareceu e ele ficou curado. Jesus, ao mandá-lo embora, falou-lhe seriamente: “Cuidado! Não diga nada a ninguém. Mas vá, apresente-se ao sacerdote e ofereça pela sua cura o que Moisés prescreveu, para servir-lhe de atestado”. Ele, porém, logo que partiu, começou a anunciar em altos brados e a espalhar o que lhe acontecera. Essa notícia ficou tão conhecida que Jesus não podia mais entrar abertamente numa cidade; ficava, então, em lugares solitários. Mas o povo, que vinha de todas as partes, ia ao encontro dele.
Recadinhos: – Em termos de apego às coisas, quem sofre mais, os pobres ou os ricos? – Que diferença há entre ter e ser? – Encontro pessoas que sofrem fisicamente, mas são felizes. Como explicar isso? – Os pobres me ensinam o quê? – Apesar de minhas cruzes, reflito agora sobre as grandes maravilhas que Deus realiza em minha vida!

Comments are closed.